Novo líder do México quer conter imigração ilegal na fronteira sul

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O México formará uma ‘força da fronteira’ para conter a imigração ilegal da América Central, anunciou o presidente eleito mexicano Andrés Manuel López Obrador.

O objetivo desta nova força de segurança será restringir o fluxo de imigrantes ilegais e drogas que chegam da América Central para o México, disse à Bloomberg o chefe de segurança de Lopez Obrador, Alfonso Durazo.

“Vamos criar uma força policial de fronteira altamente especializada”, disse Durazo. “Eles precisam aplicar a lei.”

O esquerdista López Obrador, também chamado de AMLO, enfrenta uma situação delicada. Ele tenta demonstrar força no quesito proteção das fronteiras sem demonstrar semelhança com a estratégia de imigração linha-dura do presidente americano Donald Trump.

A política de imigração de Trump também está centrada na segurança das fronteiras dos Estados Unidos, no combate à imigração ilegal e ao fluxo de drogas, e na deportação de criminosos estrangeiros ilegais.

A posição nacionalista do presidente eleito do México de proteger as fronteiras de seu país é extremamente confusa. Afinal, ele próprio encorajou seus próprios cidadãos a aproveitarem a crise midiática na fronteira americana para “deixarem suas cidades e encontrarem uma vida nos Estados Unidos”.

 

Traduzido e adaptado de News Wars

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.