Nunes Marques nega pedido sobre impeachment de Moraes

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Ação foi protocolada por Kajuru. Nunes Marques diz que análise cabe ao Legislativo.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Nunes Marques, rejeitou, nesta quinta-feira (15), o pedido do senador Jorge Kajuru (Podemos-GO) para obrigar o Senado Federal a abrir processo de impeachment contra o ministro Alexandre de Moraes.

O afastamento de um ministro do Supremo só pode avançar com autorização do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), e depende da aprovação da maioria dos membros da Casa.

Em sua decisão, Nunes Marques disse que “cabe ao Poder Legislativo, e apenas a ele, dirigir o processo de impeachment”:

“Esta Corte tem considerado que a atuação do presidente do Senado e da Mesa Diretora em processo de impeachment de ministro do Supremo Tribunal Federal não é meramente burocrática, mas sim uma atividade propriamente de exame preliminar de conteúdo, de modo a evitar que o plenário seja chamado a avaliar todo e qualquer requerimento, inclusive aqueles manifestamente infundados.”

O ministro acrescentou:

“Não cabe ao Judiciário emitir pronunciamentos para acelerar ou retardar o procedimento, dado que não existem prazos peremptórios a serem cumpridos para a sua instauração.”

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.