- PUBLICIDADE -

O desemprego chegou à economia da China

O desemprego chegou à economia da China
- PUBLICIDADE -

O sofrimento do desemprego chegou a todos os setores da maior economia asiática.

A recessão da China, que tornou fábricas ociosas e atrasou projetos de construção, está reverberando pelos escritórios do país.

Profissionais executivos com formação estão enfrentando cortes de vagas e reduções salariais.

“Procurar um trabalho hoje é como ser constantemente estapeada na cara”, desabafou Hou Hao, contadora chinesa de 28 anos, segundo a Gazeta do Povo.

A China não divulga informações confiáveis sobre admissões ou demissões, por isso o efeito concreto da recessão não está claro.

Algumas pesquisas, no entanto, indicam que ainda há grande demanda por trabalhadores em alguns setores. Mas há múltiplos sinais que apontam dificuldades para os profissionais corporativos.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -