O plano ambicioso do México para estimular economia na fronteira

Português   English   Español
O plano ambicioso do México para estimular economia na fronteira
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

O presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, lançou neste sábado (5) um ambicioso plano para estimular a economia na fronteira dos Estados Unidos.

Apesar da ameaça do presidente norte-americano, Donald Trump, de fechar a fronteira inteira com o país latino, o novo líder do México reforça o seu compromisso com os setores de indústria e comércio.

O governo mexicano planeja cortar os impostos corporativos e sobre a renda de 30% para 20% em 43 municípios de seis estados fronteiriços, além de reduzir pela metade o imposto agregado na região para deixá-lo abaixo de 8%.

Líderes empresariais e representantes sindicais também concordaram em dobrar o salário mínimo na fronteira, para 176,2 pesos por dia, equivalente a 9,07 dólares, na taxa de câmbio atual.

Lopez Obrador, que assumiu o cargo em 1 de dezembro, disse que a ideia é estimular o emprego e o aumento dos salários, através de incentivos fiscais e crescimento da produtividade, informa o “Valor“.

SIGA A RENOVA

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

Veja também...