Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

O presidiário Lula não aprovou o projeto de lei anticrime de Moro

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
O presidiário Lula não aprovou o projeto de lei anticrime de Moro

O presidiário Lula da Silva criticou nesta quarta-feira (6) o projeto de lei anticrime proposto pelo ministro da Justiça, Sergio Moro.

Em mensagens publicadas no perfil oficial do ex-presidente Lula no Twitter, o estagiário do PT não fez menção direta ao ministro Sergio Moro, responsável pela condenação do petista no processo do tríplex, que o levou à prisão em abril do ano passado.

O perfil do presidiário na rede social também criticou a proposta de reforma da Previdência que será apresentada nos próximos dias pelo ministro da Economia, Paulo Guedes.

O responsável pela conta do presidiário também aproveitou para dizer que a gestão do presidente Jair Bolsonaro deveria apresentar propostas que “gerem emprego, renda e educação”.

“Falta a esse governo entender que o Estado precisa entrar nas favelas com política pública e não só com polícia”, concluiu.

O presidiário não está sozinho nas críticas contra o projeto de lei anticrime apresentado pelo ministro da Justiça.

O ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, e outras lideranças do PT também partiram para o ataque contra o projeto de Moro, conforme noticiou a RENOVA.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email