Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

OAB vai ao CNJ contra Bretas por evento com Bolsonaro

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Presidente da OAB compara Lava Jato com a Inquisição
Imagem: Divulgação/OAB
COMPARTILHE

Santa Cruz quer apurar supostos atos de caráter político-partidário e autopromoção e superexposição do juiz Bretas. 

Felipe Santa Cruz, presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), apresentou reclamação, nesta segunda-feira (17), no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) contra o juiz Marcelo Bretas

O magistrado da 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro é responsável pela operação Lava Jato no Estado. 

A ação foi movida após Bretas participar de um evento gospel que contou com a presença do presidente da República, Jair Bolsonaro, e o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella.

Santa Cruz pede ao conselho que abra processo administrativo disciplinar para apurar supostos atos de caráter político-partidário e autopromoção e superexposição do juiz Bretas. 

O presidente da OAB cita vídeo publicado pelo magistrado em seu perfil no Instagram no qual cumprimenta Bolsonaro durante a inauguração da alça de ligação da Ponte Rio-Niterói com a Linha Vermelha, horas antes do evento religioso.

“É dizer, não apenas participou de evento de natureza política – festa evangélica na praia e inauguração de obra pública -, em manifesta afronta à vedação constitucional, como acompanhou a comitiva presidencial desde a chegada na cidade do Rio de Janeiro, publicando, ainda, postagens com manifestação de apreço em redes sociais”, afirma Santa Cruz, destaca o site UOL.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.