- PUBLICIDADE -

‘Obra parada não gera nenhum valor para a sociedade’, diz Tarcísio

‘Obra parada não gera nenhum valor para a sociedade’, diz Tarcísio

‘Não tem mais obra paralisada no Ceará’, diz ministro em visita ao Estado.

- PUBLICIDADE -

O presidente da República, Jair Bolsonaro, ao lado do ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, e do diretor-geral do DNIT, General Santos Filho, assinou, na última sexta-feira (26), três ordens de serviço para concluir obras rodoviárias no Ceará que estavam paralisadas.

Interrompida desde 2011, a Travessia Urbana do município de Tianguá, localizada na BR-222/CE, é uma delas. 

Também será autorizado o início das obras dos novos traçados da rodovia, na cidade de Umirim e no distrito de Frios, que estão paradas desde 2016.

A conclusão do viaduto que dá acesso à Horizonte, na BR-116/CE, interrompida em 2018, também será retomada.

O ministro disse que a autorização para o reinício das obras demonstra a preocupação do governo em não deixar nada paralisado e tratar a infraestrutura como questão de Estado. 

“Antes de abrir uma frente nova, precisamos concluir o que está inacabado. Obra parada não gera nenhum valor para a sociedade. Vamos zerar esse passivo de empreendimentos no estado e dar uma resposta firme à sociedade”, avaliou Freitas.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -