Português   English   Español

ONGs estrangeiras acusam Bolsonaro por destruição da Amazônia

ONGs estrangeiras acusam Bolsonaro de destruir a Amazônia
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Entre as ONGs estrangeiras opostas ao acordo com o governo Bolsonaro estão gigantes do setor, como o Greenpeace.


Centenas de organizações não governamentais pediram à União Europeia para interromper “imediatamente” as negociações sobre um possível acordo comercial com o Mercosul.

O motivo da requisição? As ONGs afirmam que o presidente da República, Jair Bolsonaro, ameaça os direitos humanos e o meio ambiente no Brasil.

“Desde a posse do presidente do Brasil Jair Bolsonaro, em janeiro de 2019, assistimos ao aumento das violações dos direitos humanos, dos ataques às minorias”, diz a carta aberta assinada por 340 ONGs.

Para esses grupos estrangeiros, incluindo gigantes do setor, como o Greenpeace, o governo brasileiro também “organiza a destruição de algumas das regiões mais preciosas e ecologicamente valiosas do mundo, como a Amazônia”.

As organizações pedem ao bloco que “interrompa imediatamente as negociações sobre o acordo comercial UE-Mercosul”.

O grupo de ONGs também espera que a UE confirme, “com provas materiais”, que o Brasil cumprirá seus compromissos com o Acordo de Paris sobre o clima, informa a revista Veja.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...