ONU diz que Colômbia precisa de ajuda internacional

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O diretor do Programa Alimentar Mundial, parte da agência das Nações Unidas (ONU), afirmou nesta terça-feira (13) que a Colômbia precisa de ajuda internacional para enfrentar a “catástrofe humanitária” gerada pelo alto fluxo de refugiados ao longo da sua fronteira com a Venezuela.

Em declarações à Associated Press, após encontrar-se com venezuelanos durante uma visita a Cucuta, no leste da Colômbia, David Beasley afirmou que os relatos que ouviu aumentam a consciencialização de que a crise humanitária é uma prioridade urgente.

O diretor do Programa Alimentar Mundial adiantou que vai trabalhar com a Colômbia num plano para alimentar os 50 mil venezuelanos que entram no país todos os dias para comer.

David Beasley acrescentou que vai, também, pedir financiamento aos Estados Unidos e a outros países para ajudar neste esforço.

O ditador venezuelano, Nicolás Maduro, alega que as ofertas de ajuda humanitária são uma tentativa para desestabilizar o seu governo.

A ditadura da Venezuela nega a existência de uma crise humanitária e denuncia que as sanções financeiras impostas pelos Estados Unidos dificultam a importação de alimentos e medicamentos.

 

Com informações de: [DN]

RENOVA Mídia precisa do seu apoio para continuar em funcionamento. Conheça nossa história e faça sua doação (boletou ou cartão) através da plataforma ApoiaSe. Clique AQUI e faça sua parte.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.