ONU disse que a pobreza nos EUA cresceria, Trump reduziu em seu 1º ano

Idiomas:

Português   English   Español
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Um especialista da ONU fez a alarmante afirmação de que Trump estava aprofundando a pobreza nos Estados Unidos. Meses depois, de acordo com dados do censo, o número de americanos pobres reduziu após o primeiro ano do republicano na Casa Branca.

“A pobreza nos Estados Unidos é extensa e está se aprofundando no governo de Donald Trump”, disse Philip Alston, relator especial das Nações Unidas da pobreza extrema, conforme reportado pelo jornal O Globo, no dia 3 de junho de 2018.

Enquanto isso, no mundo real, informações recentes da Casa Branca confirmaram que Donald Trump conseguiu reduzir o nível da pobreza no país durante seu primeiro ano como presidente dos Estados Unidos.

Em relatório, o “especialista” da ONU também disse que “Trump adotou políticas parecem ter o objetivo de remover uma rede de segurança social que protege milhões de pobres, enquanto ampliam os benefícios para os ricos”.

Parece que a ONU errou de novo. Apesar das previsões tenebrosas do especialista, a renda anual média das famílias dos Estados Unidos, já ajustada pela inflação, cresceu 1,8% no ano passado, para US$ 61,4 mil (cerca de R$ 254 mil).

Newsletter RENOVA

Receba diariamente as principais notícias do Brasil e do Mundo.

Curta e compartilhe esta notícia

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário

Veja outras notícias em destaque