ONU elogia STF por negar fechamento de fronteira Brasil-Venezuela

O posicionamento da ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Rosa Weber, de negar o fechamento da fronteira de Roraima com a Venezuela foi elogiada pelo Alto Comissariado da ONU para Refugiados.

A decisão do STF, no entanto, ainda não entrou em vigor, e a fronteira do Brasil com a Venezuela foi fechada pela Polícia Federal na noite da última segunda-feira (6), obedecendo a liminar do juiz federal Helder Girão Barreto.

William Spindler, porta-voz da agência da ONU, declarou:

Aplaudimos a decisão do Tribunal. O governo brasileiro, até agora, assegurou o acesso a seu território aos refugiados venezuelanos e imigrantes que necessitam proteção e lhes deu serviços básicos.

Spindler também deixou claro que a ONU tem ajudado o Brasil, inclusive para levar venezuelanos a outros Estados do território brasileiro. Até agora, o serviço já transportou para outras regiões cerca de 800 pessoas.

 

Adaptado da fonte Estadão
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia