Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Onyx confessa caixa 2 ao fechar acordo com a PGR

Onyx diz que Previdência será aprovada na Câmara em junho
COMPARTILHE

Ministro confessou ter recebido doações não declaradas da JBS em duas ocasiões.

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni (DEM-RS), fechou acordo com a Procuradoria-Geral da República (PGR), admitindo ter recebido doações da JBS em caixa dois nas eleições de 2012 e 2014. 

Em documento enviado ao ministro Marco Aurélio, do Supremo Tribunal Federal (STF), para homologação, Onyx também concordou em pagar multa de R$ 189 mil.

O acerto foi assinado com base no novo acordo de não persecução penal (ANPP), da Lei Anticrime. 

É o primeiro do tipo assinado pelo procurador-geral, Augusto Aras, destaca o jornal O Globo.

Para assinar o termo, o ministro do governo Jair Bolsonaro teve de confessar os ilícitos. A multa corresponde a nove vezes o salário que ele recebe como ministro, de R$ 21 mil.

Onyx confessou ter recebido doações não declaradas da JBS em duas ocasiões:

  • R$ 100 mil nas eleições de 2012;
  • R$ 200 mil em 2014.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários