Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Operação contra covil de jihadistas no Sri Lanka deixa 16 mortos

Operação contra covil de jihadistas no Sri Lanka deixa 16 mortos
COMPARTILHE

A operação mirou jihadistas vinculados aos atentados da Páscoa, reivindicados pelo grupo Estado Islâmico (EI), que estavam escondidos em Kalmunai, a 370 km da capital.

Ao menos 16 pessoas, incluindo seis crianças, morreram na madrugada deste sábado (27) durante uma operação das forças de segurança do Sri Lanka contra um esconderijo do grupo jihadista Estado Islâmico.

A ação ocorreu perto de Kalmunai, uma cidade de maioria muçulmana localizada no litoral do país. Após uma hora de intensa troca de tiros, três extremistas islâmicos atearam fogo no próprio corpo e provocaram a morte de três mulheres e seis crianças que estavam no local.

“Outros três homens, que pensamos ser homens-bomba, foram encontrados mortos perto da casa”, informou a polícia, acrescentando que eles foram abatidos por agentes de segurança.

Corpos carbonizados e, pelo menos, um homem armado com um fuzil foram vistos em vídeos divulgados pela televisão estatal.

Dentro da casa, foram encontrados explosivos, um gerador elétrico, um drone e uma grande quantidade de pilhas, informa a ISTOÉ.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE