OPINIÃO: E lá vem o Banco Central…

Néon vem do grego, significando novo.

É um gás nobre incolor, praticamente inerte, presente em pequena quantidade no ar atmosférico, porém muito abundante no Universo.

Há dois anos e meio, no Brasil, surgia o Banco Neon com nove funcionários. Veio com uma proposta inovadora como recomendava o próprio nome e assustando o sistema.

Uma fintech ágil, com propostas diferenciadas, um cartão de crédito com design muito bonito. Observava ao longe os comentários e as respostas rápidas e prontas via Twitter.

Hoje tem (ou tinha?) 190 colaboradores e mais de 600.000 usuários.

Dois dias após receber um aporte financeiro considerável, o Mercado Financeiro é severamente abalado com a notícia do encerramento de suas atividades.

E agora, apagou o Neon?

Os pontos de vista expressos neste artigo são as opiniões do autor e não refletem necessariamente a posição da RENOVA Mídia.

Share on twitter
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on google
Share on linkedin
Share on pinterest

Deixe seu comentário...