Português   English   Español

Os evangélicos estão abrindo os braços para Jair Bolsonaro

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O eleitorado evangélico do Brasil está cada vez mais demonstrando sua preferência pelo candidato do PSL à Presidência da República Jair Bolsonaro.


O deputado Sóstenes Cavalcante, candidato à reeleição pelo DEM do Rio de Janeiro, membro da Assembleia de Deus, comentou:

Alguns líderes estão aguardando um pouco mais para se manifestar, mas a ampla maioria está pressionando pelo apoio ao Bolsonaro.

O deputado Marco Feliciano, candidato à reeleição pelo Podemos de São Paulo, pastor da Catedral do Avivamento, declarou:

Não posso falar em nome de todas as lideranças evangélicas, mas há uma natural inclinação para o Bolsonaro.

Feliciano acrescentou:

Ele [Bolsonaro] é o único quadro de real mudança de conceitos e valores. E o único que apresenta boa vontade para acabar com a violência.

Uma pesquisa divulgada pela revista VEJA no dia 27 de julho, meses antes da impugnação da candidatura do presidiário Lula, já apontava Jair Bolsonaro liderando entre o eleitorado evangélico:

Candidato do PSL à Presidência da República, o deputado federal Jair Bolsonaro (RJ) lidera a preferência do eleitorado evangélico na disputa pelo Palácio do Planalto. Segundo pesquisa exclusiva feita pelo Ideia Big Data a pedido de VEJA, o capitão da reserva do Exército está na dianteira da corrida presidencial entre adeptos de todas as vertentes da religião (Pentecostal, Batista, Protestante e Neopentecostal, entre outras) nos dois cenários eleitorais testados: com e sem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, do PT.

Adaptado da fonte O Antagonista

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...