- PUBLICIDADE -

Ossos encontrados na Inglaterra podem ser de santa britânica

Ossos encontrados na Inglaterra podem ser de santa britanica
Imagem: Mark Hourahane/Diocese of Canterbury/PA/Reprodução

- PUBLICIDADE -

Apesar das similaridades, mais investimentos são necessários para que se possa estudar o DNA da amostra.

Ossos descobertos no ano de 1885 em uma igreja da Inglaterra provavelmente pertencem a uma santa britânica.

Em anúncio feito no último dia (6), um grupo de pesquisadores disse acreditar que a ossada é de Eansvida, princesa anglo-saxã e neta de Etelberto, o primeiro rei inglês a se converter ao cristianismo.

Em aproximadamente 660 d.C., Eansvida teria fundado uma das primeiras comunidades monásticas do país. A jovem, infelizmente, morreu cedo, quando ainda estava saindo da adolescência.

Em meio à ossada encontrada no século XIX, estava metade de um esqueleto, que só começou a ser estudado por especialistas em janeiro de 2020.

Nas últimas semanas, os cientistas obtiveram os recursos financeiros necessários para analisar as amostras e constatar que a ossada provavelmente se trate da santa Eansvida.

O esqueleto pertencia a um indivíduo que faleceu entre os 17 e 20 anos e não apresentava sinais de má nutrição, muito comum na época. Assim, os pesquisadores puderam concluir que provavelmente se tratava de uma pessoa importante.

Como a idade, localização, status e sexo do esqueleto batem com os de Eansvida, os arqueólogos julgam seguro afirmar que se tratam dos restos da santa, destaca a revista Veja.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -