Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Oswaldo Eustáquio volta à prisão domiciliar

Oswaldo Eustáquio é internado após acidente em cela no DF
COMPARTILHE

Jornalista é alvo de controverso inquérito que apura a realização de atos antidemocráticos.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, concedeu, nesta terça-feira (26), prisão domiciliar ao jornalista Oswaldo Eustáquio.  

Eustáquio é investigado desde junho de 2020 no inquérito que apura o financiamento e realização de atos antidemocráticos contra a Corte e o Congresso Nacional.  

Moraes ainda determinou que Eustáquio use tornozeleira eletrônica e o proibiu de acessar redes sociais em nome próprio ou de sua assessoria de imprensa.  

O jornalista também está proibido de entrar em contato com diversas pessoas, entre elas a deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP). 

 Eustáquio já havia sido colocado em prisão domiciliar em novembro do ano passado, mas foi transferido ao presídio após violar regras.  

Ainda em novembro, ele viajou a São Paulo, sem a autorização da Justiça, para confrontar Guilherme Boulos (PSOL) em um debate com os candidatos à Prefeitura. 

No mês seguinte, novamente sem o aval do Judiciário, foi ao Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos para uma audiência com a ministra Damares Alves.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários