- PUBLICIDADE -

‘Oxigênio’: filme usa a claustrofobia para provocar tensão

'Oxigênio': filme usa a claustrofobia para provocar tensão
Filme: Reprodução/Netflix
- PUBLICIDADE -

Seria “Oxigênio” um thriller ou um filme de horror?

O filme “Oxigênio” foi gravado no ápice da pandemia do coronavírus pelo diretor Alexandre Aja, especializado no gênero de horror.

Atualmente disponível em streaming na Netflix, o longa mostra o retorno do diretor ao cinema da França

O filme é ambientado quase em sua totalidade numa câmara criogênica pouco maior do que um caixão. 

A premissa é simples, mas este roteiro, escrito por Christie LaBlanc, mantém a tensão o tempo todo, sempre buscando chocar o público e chamar a sua atenção. 

Acompanhamos a história de uma mulher, interpretada por Mélanie Laurent, que está presa e com os níveis de oxigênio oscilantes.

Para sobreviver, ela precisa aprender a trabalhar com a máquina, que é controlada por uma Inteligência Artificial (IA) chamada Milo — cuja locução é feita pelo ator Mathieu Almaric.

Confira o trailer.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -