Português   English   Español

Palocci confirmou que ditador da Líbia financiou campanha de Lula

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva cuidou pessoalmente para que o repasse ilegal do ditador líbio Muammar Kadafi à sua campanha, em 2002, não fosse descoberto.

A revista Crusoé teve acesso a detalhes do que o ex-ministro Antonio Palocci revelou sobre a remessa de 1 milhão de dólares do ditador da Líbia para Lula e o Partido dos Trabalhadores (PT).

Lula pediu 15 milhões de reais à empreiteira Odebrecht para “calar” o marqueteiro Duda Mendonça, que ameaçava “entregar tudo” durante o processo do mensalão, segundo informações de O Antagonista.

O ex-ministro Palocci entregou à Justiça 18 tipos diferentes de documento para corroborar sua delação premiada, conforme noticiado pela Renova Mídia.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter