- PUBLICIDADE -

Pandemia revelou ‘aprendizes de ditadores’, diz Bolsonaro

Com Doria na liderança PSDB deve se alinhar à base de Bolsonaro
Imagem: Reprodução/Twitter

“Ninguém vai obrigar ninguém a tomar vacina”, disse o presidente Bolsonaro.

- PUBLICIDADE -

O presidente da República, Jair Bolsonaro, voltou a fazer críticas indiretas ao governador João Doria (PSDB) após a ameaça de vacinação compulsória em São Paulo.

Em sua tradicional live quinta-feira (22) nas redes sociais, Bolsonaro declarou:

“Enquanto eu for presidente da República, não vai ser desta forma. Isso é democracia, é liberdade. Ninguém vai obrigar ninguém a tomar vacina.”

O chefe do Executivo acrescentou:

“O que serviu muito esta pandemia foi para revelar os aprendizes de ditadores. Figuras nanicas, hipócritas, idiotas, boçais, achando que mandam no estado dele. ‘Vai tomar vacina!’. Vai tomar você, pô, a vacina que você bem entender. Coca-Cola, Tubaína, vá tomar o que você bem entender.”

Bolsonaro ainda voltou a duvidar que a Justiça determine a obrigatoriedade da vacina:

“Vamos supor que seja obrigatório. Daí, o cidadão vai lá e toma a vacina e vem a falecer logo depois. Pode ser pelo próprio vírus, pode ser outra doença agravada pelo fato de ser injetada a vacina. Estes cidadãos, centenas de familiares vão entrar na Justiça.”

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -