Papa Francisco compara aborto com práticas nazistas

Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

O Pontífice reagiu à aprovação de projeto que legaliza a prática pela Câmara argentina. Para o Papa Francisco, aborto, em alguns casos, é o “nazismo com luvas brancas”.

Dois dias depois da aprovação do projeto de lei de interrupção voluntária da gravidez pela Câmara dos Deputados, o Pontífice reagiu à derrota que sofreu em seu país de origem com declarações fortes.

Em discurso feito neste sábado (16),em frente ao Forum Família, no Vaticano, o papa Francisco falou sobre o aborto:

No século passado, o mundo todo se escandalizou com o que faziam os nazistas para cuidar da pureza da raça. Hoje fazemos o mesmo, mas com luvas brancas de ferro.

E acrescentou:

Está na moda, é habitual. Quando na gravidez, se a criança não está bem ou vem com alguma coisa, a primeira oferta é: ‘Tiramos’? O homicídio das crianças. Para se ter uma vida tranquila, tira-se a vida de um inocente.

 

Com informações do jornal O Globo
Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Isso também pode te interessar

Deixe seu comentário

Anunciante
e-consulters
Parceiro

Assine nossa Newsletter!

Preencha o formulário para assinar.

Nome Email
newsletter

Últimas publicações