Papa Francisco pede o banimento das armas

O papa Francisco sugeriu neste domingo (29), através da sua conta no Twitter, a proibição das armas como solução para que o mundo não precise viver “com medo da guerra”.

A mensagem do pontífice foi replicada em nove línguas, em todas as contas oficiais na rede social.

A declaração foi publicada neste domingo (29) por ser o “Dia das vítimas da guerra química”. Nessa data, em 1997, passou a vigorar a convenção (CAC) que proibiu o uso e produção de armas químicas.

A repercussão do tuíte do papa Francisco foi instantânea. As que obtiveram o maior engajamento foram críticas ao posicionamento do líder da Igreja Católica.

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia