PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Papa Francisco reclama de polarização política na Argentina

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

O papa Francisco disse se sentir “dolorido” por conta da polarização na Argentina ao receber um grupo de 31 bispos da sua terra natal nesta quinta-feira (2).

O chefe do Vaticano ouviu sobre a preocupação do episcopado com a “existência de certa tensão social” no país.

O arcebispo de La Plata, Víctor Manuel Fernández, que participou do encontro de duas horas, declarou:

“Há uma certa polarização na Argentina, e no caso da discussão sobre o aborto isso se consolidou mais ainda. O Papa mencionou que isso o machuca, porque faz com que existam jovens reticentes em nos escutar depois desse período de tanta discussão.”

Os bispos da Argentina fizeram para o papa Francisco um balanço da situação econômica e social do país, que está em ano eleitoral.

A disputa deve se polarizar entre o presidente Mauricio Macri e sua antecessora, Cristina Kirchner.

Em conversa com o jornal La Nación, Fernández acrescentou:

“Temos medo de falar de qualquer tema porque é muito raro que te interpretem corretamente, sempre te politizam, ou a favor de um partido, ou a favor do governo, ou contra esse. Acontece com o Papa e acontece conosco.”

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.