- PUBLICIDADE -

Paquistão acusa Índia de usar água como arma contra a Caxemira

Paquistão acusa Índia de usar água como arma contra a Caxemira
- PUBLICIDADE -

Paquistão acusa a Índia de aproveitar sua posição correnteza acima para travar uma “guerra de quinta geração”.

O Paquistão acusou, nesta segunda-feira (19), a Índia de travar uma “guerra de quinta geração” após não comunicar a liberação da água de uma represa, que pode causar inundação na fronteira.

O governo paquistanês disse que a liberação inesperada de água no rio Sutlej, que flui entre os dois países, foi parte de uma tentativa da Índia de desdenhar um tratado bilateral de longa data.

Devido à liberação inesperada do fluxo de água, as autoridades de emergência paquistanesas estavam se preparando para pequenas inundações em várias áreas do Estado de Punjab nesta segunda, informa a agência Reuters.

As relações entre os vizinhos, que já são extremamente hostis, se deterioraram após a decisão indiana de revogar o status especial de sua parte na região da Caxemira, que os dois países reivindicam.

O Paquistão reagiu com fúria, cortando os laços de transporte e comércio e expulsando o embaixador da Índia em retaliação.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -