Para combater crime organizado, Haddad quer soltar detentos

Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

O candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad, falou nesta quarta-feira (12) sobre sua proposta de federalizar o combate ao crime organizado.

Em seu primeiro ato de campanha desde que foi oficializado como cabeça da chapa do PT, em substituição ao presidiário Lula, Haddad disse que uma das propostas do partido na área de Segurança Pública é federalizar o combate ao crime organizado:

Entendemos que, se a PF tiver um departamento que cuide do combate aos crimes relativos a organizações criminosas, vamos ter alguns efeitos importantes. O primeiro é liberar as polícias Militar e Civil para cuidar da vida do cidadão, combater homicídio, feminicídio, tudo que agride o cidadão.

O presidenciável petista também falou sobre sua estratégia de “desencarceramento” de pessoas que cometem pequenos delitos, hoje o maior contingente nas cadeias de todo o Brasil.

Durante coletiva de imprensa, o candidato Fernando Haddad (PT) declarou:

Se nós não desencarceramos a partir dessa nova visão, não vamos conseguir resolver a crise do sistema prisional. Estamos prendendo muito e mal.

 

Adaptado da fonte BR18
Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Isso também pode te interessar

Deixe seu comentário

Anunciante
e-consulters
Parceiro

Assine nossa Newsletter!

Preencha o formulário para assinar.

Nome Email
newsletter

Últimas publicações