Parlamento de Portugal legaliza medicamentos à base de maconha

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O Parlamento de Portugal aprovou nesta sexta-feira (15) um projeto de lei para legalizar medicamentos à base de maconha, após rejeitar propostas anteriores para permitir que pacientes plantassem a droga em casa.

Portugal descriminalizou o uso de todas as drogas em 2001 para combater uma epidemia de heroína e tem plantações legais de maconha para exportação.

Entretanto, ao contrário de outros países da União Europeia, como Itália e Alemanha, a questão da maconha medicinal tinha ficado em aberto.

De acordo com informações da Reuters:

Apenas um partido, a legenda de centro-direita CDS-PP, se absteve da votação no Parlamento que legalizou a prescrição de remédios à base de maconha para tratar dores crônicas, transtorno de estresse pós-traumático, efeitos colaterais do tratamento de câncer e outras doenças.

O projeto de lei agora irá para a sanção do presidente Marcelo Rebelo de Souza.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.