Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Partículas de alta energia detectadas na Antártica

REDAÇÃO RENOVA Mídia

REDAÇÃO RENOVA Mídia

Partículas de alta energia detectadas na Antártica
Imagem: Reprodução/Twiter
COMPARTILHE

O continente inóspito da Antártica se tornou palco de um mistério da Física. 

Um equipamento da NASA chamado Anita detectou partículas extremamente discretas, chamadas neutrinos, alcançando uma energia altíssima no céu da Antártica.

Neutrinos costumam ser produzidos em grandes quantidades por fenômenos cósmicos violentos, e alcançam a Terra após vários anos-luz de viagem. 

Os cientistas consideraram muito estranho, portanto, que o pequeno Anita tenha detectado um neutrino sem que o IceCube detectasse dezenas de outros com características parecidas, informa a revista Super Interessante.

Afinal, o IceCube é um detector de neutrinos bem maior e mais abrangente. 

Talvez o Anita tenha tido um golpe de sorte, detectando um neutrino em um milhão. Mas a chance de isso ter acontecido é ínfima.

Dessa forma, os pesquisadores do IceCube começaram a especular se essa partícula de alta energia é mesmo um neutrino ou se ela não pode ser explicada pela física de partículas da maneira como ela está estruturada atualmente. 

Um artigo científico analisando o caso está disponível aqui, ainda em estágio de pré-publicação.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM