Português   English   Español

Partido Comunista da China convida PSL para visitar Pequim

O gesto do regime comunista é visto como tentativa de aproximação com novo governo brasileiro, que deve adotar política externa mais voltada aos Estados Unidos.

O Partido Comunista da China convidou integrantes do PSL, legenda do presidente eleito Jair Bolsonaro, para uma visita ao país asiático, segundo informações da Gazeta do Povo.

O regime chinês tem a esperança de estabelecer uma relação “pragmática” com o novo cenário político brasileiro.

Enviado no dia 15 de novembro, o convite repassado pela Embaixada da China no Brasil fala em recepção a uma delegação de dez membros do PSL. Na diplomacia, o convite é um gesto dos chineses para tentar se aproximar do futuro governo.

O país do líder comunista Xi Jinping está preocupado com a provável aproximação do futuro governo Bolsonaro com os Estados Unidos.

Nos próximos dias, o assessor de Segurança Nacional de Donald Trump visitará o País para conversar com o presidente eleito, conforme noticiou a Renova Mídia.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter