Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Partidos de esquerda do Reino Unido rejeitam nova eleição

COMPARTILHE

“É o único caminho a seguir para o nosso país”, disse Boris sobre a antecipação de eleições.

O Partido Trabalhista (PT) de Jeremy Corbyn e outras legendas de oposição no Reino Unido chegaram, nesta sexta-feira (6), a um acordo para não apoiar a proposta do primeiro-ministro Boris Johnson de convocar eleições antecipadas.

Os trabalhistas e outros partidos, entre eles os liberal-democratas e os nacionalistas da Escócia, concordaram em votar contra o pedido da antecipação eleitoral, informa a agência EFE.

O governo britânico indicou ontem que Boris voltará a pedir o apoio da Câmara dos Comuns na segunda-feira para convocar novo pleito — no próximo dia 15 de outubro — com o objetivo de superar a grave crise gerada pelo Brexit.

A primeira tentativa de antecipar a eleição foi frustrada pela oposição na última quarta-feira (4), que considerou prioritário aprovar antes o projeto de lei que exige ao Governo solicitar à UE uma prorrogação do Brexit, cuja data está marcada para o dia 31 de outubro.

Durante evento em uma Academia de Polícia de Yorkshire, nesta quinta-feira (5), Boris declarou:

“Não quero eleições, mas, francamente, não vejo outra maneira. É o único caminho a seguir para o nosso país. Temos que resolver este assunto da UE, temos que sair da UE em 31 de outubro.”

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE