Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Paulo Guedes é condenado por chamar servidores de ‘parasitas’

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Paulo Guedes defende competição entre os Estados
COMPARTILHE

“O cara virou um parasita, o dinheiro não chega no povo e ele quer aumento automático”, disse Guedes.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, foi condenado a pagar R$ 50 mil ao Sindpol-BA (Sindicato de Policiais Federais da Bahia) por dano moral coletivo. 

No mês de fevereiro, Guedes chamou servidores públicos de “parasitas” e afirmou que eles ficavam em casa “com geladeira cheia”:

“O hospedeiro está morrendo, o cara virou um parasita, o dinheiro não chega no povo e ele quer aumento automático.”

A decisão é da juíza federal Cláudia da Costa Tourinho Scarpa. Guedes ainda pode entrar com um recurso.

A magistrada considerou que houve “violação aos direitos da personalidade dos integrantes da categoria profissional” representada por pelo sindicato, destaca o site Poder360.

O Sindpol-BA informou que “o dinheiro pago pelo ministro será doado ao Hospital Santo Antônio, que pertence às Obras Sociais Irmã Dulce (OSID), e ao Hospital Aristides Maltez, que são organizações sem fins lucrativos de Salvador e que estão à frente no combate à pandemia do novo coronavírus”.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram