PCC envolvido em ataque contra presídio na Argentina

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Um brasileiro foi preso na terça-feira (31) acusado de envolvimento no caso, que foi classificado como tentativa de resgate de detentos.

Um presídio na cidade argentina de Oberá, localizada ao norte de Buenos Aires e próximo da tríplice fronteira com Brasil e Paraguai, foi atacado a tiros na noite de segunda-feira (30).

Na terça-feira (31), um brasileiro foi preso acusado de envolvimento com o que foi classificado como tentativa de resgate de presos.

Autoridades da Argentina ainda buscam outros criminosos, enquanto investiga a relação do ataque com a atuação do Primeiro Comando da Capital (PCC) no país.

O ato ocorreu à noite, por volta das 20h30, e os criminosos usaram armas longas. A guarda da penitenciária reagiu e atirou de volta. Diante disso, os envolvidos fugiram.

Um automóvel foi abandonado nas imediações do local, onde foram encontrados munições de revólver calibre 38, miguelitos (espécie de cruz formada por pregos entrelaçados para furar pneus de carros) e mochilas, de acordo com informações dos jornais Clarín e do local El Territorio.

 

Adaptado da fonte Metropoles

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.