Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

Pena de morte é tema central das eleições nas Filipinas

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Pena de morte é tema central das eleições nas Filipinas

As eleições de meio mandato serão realizadas na próxima segunda-feira (13) nas Filipinas.

O pleito eleitoral de amanhã nas Filipinas pode dar ao presidente Rodrigo Duterte a possibilidade de implementar sua promessa de reinstaurar a pena de morte e reformar a Constituição.

Apesar das críticas internacionais, Duterte continua muito popular, em parte por sua sinceridade, já que alguns filipinos o consideram um recurso confiável ante a ineficiência das elites políticas tradicionais.

Duterte se comprometeu a restabelecer a pena capital para crimes relacionados ao tráfico de drogas e lidera uma campanha contra os entorpecentes.

Seu programa de linha dura contra a criminalidade teve um papel crucial em sua vitória por ampla margem na eleição presidencial de 2016.

Atualmente ele defende a redução da maioridade penal de 15 para 12 anos. A princípio, no entanto, queria a mudança para a partir dos 9 anos.

Entre os 18.000 cargos que estão em disputa nas eleições de segunda-feira, os filipinos definirão metade do Senado, instituição que teve papel crucial nos últimos três anos para bloquear algumas das iniciativas mais polêmicas de Duterte, ex-prefeito de Davao, a grande cidade do sul do país, informa a agência AFP.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email