Pentágono neutraliza importante oficial da Al-Qaeda na Líbia

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Os Estados Unidos confirmaram nesta quarta-feira (28) a morte de um importante membro do grupo terrorista Al-Qaeda na Líbia durante um recente ataque aéreo no sul do país.

A incursão, perto de Ubari, ocorreu em 24 de março e matou dois membros da Al-Qaeda, incluindo Moussa Abu Daoud, líder da rede no Magrebe Islâmico (Aqmi), indicou o comando militar americano encarregado da região (Africom) em uma declaração.

O ataque foi realizado em conjunto com o governo de União Nacional da Líbia (GNA) de Fayez al-Sarraj.

Segundo os americanos, Moussa Abu Daoud “era encarregado de treinar os recrutas da Aqmi na Líbia para realizar ataques na região”.

“Ele fornecia apoio logístico, fundos e armas indispensáveis ​​à Aqmi, o que permitia aos terroristas ameaçar os interesses americanos e ocidentais na região”, aponta o comunicado.

Desde a queda de Muammar Khaddafi, em 2011, a Líbia tem estado à mercê de milícias, enquanto duas autoridades disputam poder: o GNA, reconhecido internacionalmente e com sede em Tripoli, e um grupo que exerce o poder no leste do país com o comando do marechal Khalifa Haftar.

 

Com informações de: [AFP]

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.