Pentágono neutraliza importante oficial da Al-Qaeda na Líbia

Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Os Estados Unidos confirmaram nesta quarta-feira (28) a morte de um importante membro do grupo terrorista Al-Qaeda na Líbia durante um recente ataque aéreo no sul do país.

A incursão, perto de Ubari, ocorreu em 24 de março e matou dois membros da Al-Qaeda, incluindo Moussa Abu Daoud, líder da rede no Magrebe Islâmico (Aqmi), indicou o comando militar americano encarregado da região (Africom) em uma declaração.

O ataque foi realizado em conjunto com o governo de União Nacional da Líbia (GNA) de Fayez al-Sarraj.

Segundo os americanos, Moussa Abu Daoud “era encarregado de treinar os recrutas da Aqmi na Líbia para realizar ataques na região”.

“Ele fornecia apoio logístico, fundos e armas indispensáveis ​​à Aqmi, o que permitia aos terroristas ameaçar os interesses americanos e ocidentais na região”, aponta o comunicado.

Desde a queda de Muammar Khaddafi, em 2011, a Líbia tem estado à mercê de milícias, enquanto duas autoridades disputam poder: o GNA, reconhecido internacionalmente e com sede em Tripoli, e um grupo que exerce o poder no leste do país com o comando do marechal Khalifa Haftar.

 

Com informações de: [AFP]
Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Isso também pode te interessar

Deixe seu comentário

Anunciante
e-consulters
Parceiro

Assine nossa Newsletter!

Preencha o formulário para assinar.

Nome Email
newsletter

Últimas publicações