PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Perfis nas redes sociais na mira da CPI da Pandemia

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

CPI da Pandemia identificou 68 perfis nas redes sociais que divulgaram supostas informações falsas em meio à crise sanitária causada pelo novo coronavírus.

Um requerimento deve ser votado em breve para quebrar os sigilos dos donos desses perfis no FacebookTwitter WhatsApp

A informação foi divulgada, nesta quinta-feira (15), pela jornalista Malu Gaspar, no jornal O Globo.

Citando dretamente o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ), a jornalista acrescentou:

“Os técnicos da comissão suspeitam que os perfis são ligados ao gabinete do ódio, como é chamado o grupo de pessoas que trabalha com o filho do presidente Carlos Bolsonaro administrando a rede de perfis bolsonaristas na internet.”

E completou:

“A ideia é cruzar as informações desses 68 perfis com uma seleção prévia feita pela comissão das Fake News, que está suspensa, para saber se há casos de reincidentes. Ou seja, autores que já difundiam desinformação antes da pandemia e continuaram atuando durante a infecção do coronavírus.”

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.