Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Pesquisadores da USP desenvolvem ‘mini fígado’ em 3D

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Pesquisadores da USP desenvolvem 'mini fígado' em 3D
COMPARTILHE

Pesquisadores criam “mini fígado” por impressão 3D. Células seriam capazes de exercer funções do órgão. 

Cientistas do Brasil conseguiram produzir tecido hepático via impressão 3D em 90 dias. As células seriam capazes de reproduzir as funções típicas do fígado.  

O novo estudo pode representar uma grande inovação no campo do transplante de órgãos em um futuro próximo. 

A pesquisa foi feita no Centro de Pesquisa sobre o Genoma Humano e Células-Tronco (CEGH-CEL) – um Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPID) financiado pela FAPESP na Universidade de São Paulo (USP), informa o site Metrópoles.

Para realizar o experimento, os cientistas combinaram técnicas de bioengenharia, como reprogramação celular e produção de células-tronco pluripotentes, com a bioimpressão 3D. 

Dessa forma, o tecido produzido pela impressora manteve as funções hepáticas por um período mais longo do que o registrado em trabalhos anteriores de outros grupos.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM