- PUBLICIDADE -

Pesquisadores preveem isolamento intermitente nos EUA até 2022

Pesquisadores preveem isolamento intermitente nos EUA até 2022
- PUBLICIDADE -

Especialistas acreditam que “mesmo no caso de eliminação aparente” do coronavírus, medidas precisam ser tomadas para evitar ressurgimento.

Os esforços de distanciamento social diante da pandemia do coronavírus podem ser necessários, ao menos de modo intermitente, até 2022. 

A previsão foi feita por um grupo de pesquisadores da Escola de Saúde Pública da Universidade Harvard, em artigo publicado na segunda-feira (13) na revista Science.

Os cientistas projetam que surtos recorrentes do Covid-19 provavelmente ocorrerão após a onda pandêmica inicial mais grave, assim como ocorre com outros vírus respiratórios. 

Sem a elaboração de uma vacina, um tratamento específico ou um aumento substancial da capacidade de cuidados intensivos (UTIs), a forma de evitar o colapso do sistema de saúde pode ser um distanciamento social prolongado ou intermitente até 2022.

“Intervenções adicionais, incluindo capacidade ampliada de cuidados críticos e uma terapêutica eficaz, melhorariam o sucesso do distanciamento intermitente e acelerariam a aquisição da imunidade do rebanho”, escrevem os pesquisadores, segundo a agência Forbes.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -