Português   English   Español

Petistas em campanha contra a Seleção na Copa do Mundo

A esquerda brasileira, mais uma vez, demonstra não se interessar pelo verde e amarelo, preferindo defender a cor vermelha da sua bandeira.

Em matéria publicada no seu blog no jornal O Globo, o jornalista Merval Pereira denuncia a campanha da militância petista para tentar afastar o povo brasileiro da torcida pela Seleção na Copa do Mundo da Rússia.

‘À medida que vai desmoronando a tese da esquerda de que a Operação Lava-Jato se dedica apenas a perseguir Lula, vão ficando cada vez mais patéticas as tentativas de criar fatos políticos que não se realizam’, declarou Merval.

E acrescentou:

Mas o ponto mais risível do marketing político dos apoiadores de Lula é a tentativa de esvaziar a torcida pela seleção brasileira na Copa do Mundo da Rússia sob a alegação de que a camiseta amarela foi usada pelos “coxinhas golpistas” nas manifestações a favor do impeachment da ex-presidente Dilma.

A carência do PT por vozes ressonantes com a sua narrativa é tão grande que, nos últimos dias, até João Gordo virou referência após dar declaração criticando os brasileiros que utilizam a camisa verde e amarela.

Merval Pereira concluiu:

Como se pudéssemos voltar no tempo, tenta-se reviver um sentimento que esteve muito presente em 1970, em plena ditadura militar, quando muitos da esquerda decidiram não torcer pelo time de Pelé, Tostão, Jairzinho e companhia. E como não se soubesse o que aconteceu, segundo o relato bem-humorado de vários exilados e membros da oposição guerrilheira: na hora agá, não resistiram à paixão pelo futebol e comemoraram o tricampeonato mundial.

Deixe seu comentário

Veja também...