Petroleiros seguirão com greve apesar da decisão do TST

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Petroleiros da FUP dizem que seguirão em greve apesar de punição do TST.

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) anunciou, nesta terça-feira (26), que vai manter a greve de cinco dias iniciada ontem.

A decisão foi tomada apesar de o ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Ives Gandra Martins, ter suspendido repasses aos sindicatos pelo descumprimento de liminar que impedia o movimento grevista.

O diretor de assuntos institucionais e jurídicos da FUP, Deyvid Bacelar, disse que a greve tem caráter diferente, uma vez que os petroleiros estão sendo chamados a protestar por meio da doação de sangue.

Ele também destacou que as unidades produtoras da Petrobras não estão sendo paralisadas como poderia acontecer em uma greve, informa o jornal Folha de S.Paulo.

Por outro lado, de acordo com nota publicada pelo TST, “a Petrobras demonstrou que diversas refinarias paralisaram suas atividades e que os grevistas estão impedindo a entrada de funcionários em suas instalações”. 

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.