Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

PF extradita para Espanha condenado por atentado terrorista

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
PF extradita para Espanha condenado por atentado terrorista

PF de SP extradita para Espanha condenado a 193 anos de prisão por atentado terrorista.

A Polícia Federal (PF) realiza, nesta quinta-feira (6), a extradição do criminosos Carlos Garcia Juliá para a Espanha.

Garcia Juliá foi condenado a 193 anos de prisão pela justiça espanhola por ter participado de um atentado terrorista conhecido por “Massacre de Atocha”, em 1977.

A extradição dele havia sido autorizada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) em agosto de 2019.

Juliá chegou a cumprir pelo menos 14 anos de prisão na Espanha. No entanto, quando obteve liberdade condicional, fugiu para a América do Sul.

Em dezembro de 2018, em cooperação com a Polícia Nacional da Espanha, agentes da PF localizaram e prenderam o foragido em São Paulo, devido ao pedido de extradição que havia sido feito pelo governo espanhol.

Enquanto vivia no Brasil, Juliá usava documentos falsos em nome de um cidadão da Venezuela, informa o portal G1.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias