Português  English  Español  Español
Português  English  Español  Español

PF faz ação contra ala feminina do PCC na região Norte

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Lei de abuso de autoridade pode inviabilizar PF e MPF, diz Ministério

As investigadas poderão responder à Justiça por organização criminosa. As penas podem chegar a 25 anos de prisão.

A Polícia Federal (PF) deflagrou, nesta sexta-feira (7), a Operação Lâmpades para desarticular a ala feminina da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) na região Norte do Brasil.

Mulheres passaram a ocupar “posições estratégicas” no comando do PCC porque a facção criminosa acredita que elas estariam menos suscetíveis a prisões, de acordo com investigadores da PF.

As mulheres estariam exercendo funções como o controle e a guarda de drogas e armas de fogo, o estabelecimento de relacionamento entre os criminosos e até a indicação de membros para setores específicos, informa o site UOL.

Mais de 80 policiais federais cumpriram 14 mandados de prisão preventiva e 13 mandados de busca e apreensão.

O braço feminino do PCC na região Norte seria comandado por duas foragidas do estado de São Paulo, com mandados de prisão por roubo e tráfico de drogas.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias