PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

PF mira fraude em demarcação de terra indígena no DF

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Os envolvidos poderão responder pelos crimes de fraude processual e posse irregular de arma de fogo.

Uma operação da Polícia Federal (PF) foi deflagrada, nesta terça-feira (18), para cumprir busca exploratória e cinco mandados de busca e apreensão em área ocupada pelos indígenas conhecida como Santuário dos Pajés, no Distrito Federal.

As buscas foram autorizadas pela 15ª Vara Federal do DF. Ao todo, participam da operação 80 agentes da PF.

O objetivo dos investigadores é apurar uma possível fraude processual referente à demarcação e delimitação da área, bem como identificar pessoas, realizar perícias e apurar denúncias envolvendo posse ilegal de armas de fogo por residentes no local, destaca o site Metrópoles.

Em 2018, após 13 anos de disputa na Justiça, a Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) e a comunidade indígena assinaram um acordo que delimita a área a ser usada pelos indígenas no Noroeste.

Os envolvidos poderão responder pelos crimes de fraude processual e posse irregular de arma de fogo, com penas de até cinco anos de prisão.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.