Pfizer investiga morte de adolescente após vacinação

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Pfizer e governo investigam morte de adolescente após vacinação.

Um jovem de 16 anos recebeu a primeira dose da Pfizer em 25 de agosto e, no dia seguinte, começou a sentir cansaço e falta de ar.

Em um comunicado emitido nesta quinta-feira (16), a farmacêutica reconheceu a morte do jovem em São Bernardo do Campo, interior de São Paulo.

De acordo com a farmacêutica, o caso está sob investigação mas, até o momento, “não foi estabelecida uma relação causal entre o ocorrido e o imunizante”. 

A empresa também investiga relatos de miocardite e pericardite após a aplicação da vacina.

Momentos antes da divulgação da mensagem da Pfizer, o Ministério da Saúde anunciou a suspensão da imunização em crianças e adolescentes no Brasil.

A pasta manteve apenas a recomendação para as pessoas da faixa etária que estão no grupo prioritário, que inclui jovens com comorbidades, com deficiências permanentes ou privadas de liberdade.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.