Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

PGR arquiva apuração sobre fala de Salles em reunião ministerial

Salles quer cobrar no mínimo US$ 10 bi ao ano dos países ricos
COMPARTILHE

Salles disse que o governo deveria “ir passando a boiada” na legislação ambiental.

O procurador-geral da República, Augusto Aras, arquivou, nesta terça-feira (29), uma apuração preliminar sobre a conduta do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles.

A investigação tinha como base uma declaração de Salles durante um reunião ministerial privada do governo Jair Bolsonaro.

Na ocasião, Salles disse que o governo deveria “ir passando a boiada” na legislação ambiental enquanto o foco do país fosse o enfrentamento à pandemia de coronavírus.

Aras comunicou o arquivamento ao Supremo Tribunal Federal (STF), afirmando que Salles já responde a uma ação por improbidade administrativa pela mesma declaração na Justiça do Distrito Federal.

Na avaliação do PGR, Salles apenas “externou sua posição” sobre as diretrizes para políticas públicas do atual governo, destaca o site Poder360.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários