Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

PGR diz que fake news derrotam candidaturas legítimas

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Aras diz que mensagens hackeadas da Lava Jato já estão na PGR
Imagem: DIDA SAMPAIO/ESTADÃO CONTEÚDO

O procurador-geral disse que as fake news são uma ameaça à democracia.

O procurador-geral da República, Augusto Aras, afirmou, nesta quinta-feira (30), que as fake news “interferem na formação do consenso social”.

Durante um congresso digital organizado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), segundo a revista Veja, Aras afirmou:

“As fake news interferem na formação do consenso social, forjam um eleito ou, pior, derrota candidaturas legitimas.”

De acordo com o PGR, a maior gravidade das notícias falsas são os métodos “fraudulentos” usados para a disseminação de informações falsas, que se valem “de polarizações que tornam artificiais os graves problemas sociais, políticos e econômicos”.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email