PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

PGR é contra paralisação dos processos da Ferrogrão

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Aras diz que Ferrogrão concretiza princípio do desenvolvimento sustentável.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, atendeu ao pedido do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) questionando a supressão de hectares do Parque Nacional do Jamanxim para a construção da Ferrogrão.

Em parecer enviado ao STF, na última segunda-feira (15), Aras manifestou-se pela improcedência da ação:

“A redução de 0,054% do Parque Nacional do Jamanxim para viabilização de estudos para a instalação de ferrovia destinada ao escoamento de grãos (Ferrogrão – EF 170) ajusta-se ao princípio do desenvolvimento sustentável como fator de equilíbrio entre economia e ecologia.”

O procurador-geral destaca ainda que a redução da área do parque para a construção da ferrovia destinada ao escoamento de produção agrícola, “além de diminuir a emissão de poluentes por caminhões de transporte de cargas, ajusta-se com fidelidade ao princípio constitucional do desenvolvimento sustentável”.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.