- PUBLICIDADE -

PGR extingue secretaria comandada por Ailton Benedito

Ailton Benedito confirmado na equipe de Augusto Aras na PGR
- PUBLICIDADE -

A mudança acontece com a aprovação de um novo regimento interno para a cúpula da PGR. 

Augusto Aras, procurador-geral da República (PGR), extinguiu, na última sexta-feira (24), a secretaria de Direitos Humanos.

A secretaria era comandada pelo procurador federal de Goiás, Ailton Benedito, conservador e apoiador do presidente da República, Jair Bolsonaro.

A extinção foi a pedido dos membros do Conselho Superior do Ministério Público Federal (CSMPF), na última sessão extraordinária, por haver sobreposição de função com outro órgão administrativo. 

A pasta tem 60 dias para fazer as readequações previstas no novo regimento, destaca o site Poder360.

Apesar de ser bastante ativo nas redes sociais, principalmente no Twitter, o procurador Benedito ainda não comentou sobre a extinção da secretaria.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -