- PUBLICIDADE -

PGR mira Lava Jato por suposta investigação camuflada de políticos

PGR mira Lava Jato por investigação camuflada de políticos

- PUBLICIDADE -

PGR suspeita que políticos podem ter tido sigilos quebrados de maneira irregular pela Lava Jato.

A equipe do procurador-geral da República, Augusto Aras, vem procurando possíveis inconsistências e erros em denúncias apresentadas pela força-tarefa da operação “Lava Jato“.

A informação foi publicada na tarde de quarta-feira (1º) pelo jornalista Leonardo Cavalcanti, no jornal digital Poder360.

Segundo a reportagem, os presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado Federal aparecem como “Rodrigo Felinto” e “David Samuel” numa extensa denúncia de dezembro de 2019.

A avaliação é que essa “camuflagem” dos nomes do deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) e do senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) seria uma técnica para os procuradores de Curitiba investigarem autoridades sem se submeterem aos foros adequados.

Os nomes completos dos dois são Rodrigo Felinto Ibarra Epitácio Maia e David Samuel Alcolumbre Tobelem.

O documento era previamente conhecido, mas nunca ninguém havia se dado conta dessa camuflagem.

Ainda de acordo com o site, a PGR encontrou outros casos semelhantes ao de Maia e Alcolumbre, inclusive de ministros do STF.

A suspeita é de que políticos podem ter tido sigilos quebrados de maneira irregular pela força-tarefa.

Até agora, no entanto, não há provas de que de fato os nomes camuflados em denúncias possam ter sido todos investigados pela Lava Jato. É isso que a PGR em Brasília agora tenta descobrir.

Em nota à imprensa, a força-tarefa da Lava Jato negou as acusações de que investiga políticos com foro privilegiado, denunciando um “contexto de ataques desleais contra o trabalho dos integrantes da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, por meio de ilações falsas e sem qualquer comprovação”.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -