Português   English   Español
Português   English   Español

Planalto diz que ato obsceno viola tradição cultural do carnaval

Planalto diz que ato obsceno viola tradição cultural do carnaval
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Em nota divulgada à imprensa, a Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República prestou esclarecimentos sobre o vídeo publicado no perfil pessoal de Bolsonaro na última terça-feira (6).

Segundo o Planalto, no vídeo postado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, em sua conta pessoal da rede social Twitter, “há cenas que escandalizaram, não só o próprio Presidente, bem como grande parte da sociedade”.

Ainda no comunicado divulgado na noite desta quarta-feira (6), o ato obsceno praticado em um bloco de Carnaval é um “crime, tipificado na legislação brasileira, que violenta os valores familiares e as tradições culturais do carnaval”.

O vídeo compartilhado por Bolsonaro foi gravado em São Paulo durante evento da agremiação carnavalesca BloCU, realizado na Praça da Sé, no centro da capital paulistana.

A organização também acusa Bolsonaro de “incitar o ódio à comunidade LGBT+ e, acima de tudo, desmerecer a voz das ruas na maior e mais importante festa brasileira”.

Para conter esta narrativa adotada pela esquerda, o Planalto garantiu que a publicação de Bolsonaro não visa atingir o carnaval de “forma genérica”.

“Não houve intenção de criticar o carnaval de forma genérica, mas sim caracterizar uma distorção clara do espírito momesco, que simboliza a descontração, a ironia, a crítica saudável e a criatividade da nossa maior e mais democrática festa popular.”

Confira a íntegra da nota publicada pela Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República clicando AQUI.

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Share on reddit
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...

Curta a RENOVA!