- PUBLICIDADE -

Plenário do STF decidirá suspensão do inquérito das fake news

Decisão do STF pode beneficiar até 193 mil condenados
- PUBLICIDADE -

Fachin envia ao plenário do STF pedido da PGR para suspender inquérito das fake news.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, encaminhou, nesta quinta-feira (28), para análise do plenário da Corte o pedido do procurador-geral da República, Augusto Aras, para suspender o inquérito das fake news.

Fachin também reiterou¹ a indicação de preferência de julgamento da ação à Presidência do STF, a quem caberá pautar a análise

O pedido foi formulado pelo PGR após a deflagração de operação da Polícia Federal (PF), nesta quarta-feira (27), com a finalidade de executar mandados de busca e apreensão contra apoiadores do presidente da República, Jair Bolsonaro.

Aras disse que a Procuradoria-Geral da República foi “surpreendida” com as ações do ministro Alexandre de Moraes, que foram classificadas² como “desproporcionais e desnecessárias”.

Aras fez o pedido em uma ação do partido Rede Sustentabilidade que questiona o inquérito. O ministro Fachin é o relator dessa ação.

Referências: [1][2]
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -