Pó acumulado em painéis solares pode “matar” sonda em Marte

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Sonda pode ficar sem energia para manter os seus componentes eletrônicos aquecidos.

A sonda InSight, da NASA, chegou em Marte em novembro de 2018

Desde então, através dos seus sensores meteorológicos e das inúmeras fotografias captadas, a sonda tem ajudado a conhecer melhor o Planeta Vermelho.  

Agora, de acordo com a NASA, a acumulação de pó nos seus painéis solares e a agressividade e imprevisibilidade do inverno de Marte levou à decisão de conservar a energia do veículo.

Mesmo com a sonda enfrentando milhares de ventanias em Marte, nenhuma conseguiu chegar perto de limpar a poeira.

Apesar do InSight não necessitar de muita energia para operar, os painéis da sonda estão produzindo apenas 27% da sua capacidade total de absorção dos raios solares. 

Essa energia tem de ser partilhada entre os instrumentos científicos, o braço do robô, o rádio, e mais importante, os aquecedores que permitem manter os circuitos a funcionar perante as temperaturas negativas durante a noite.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.